Pre Loader

Estilos parentais

Basicamente, as relações entre pais e filhos podem ser baseadas no autoritarismo, ou seja, uma relação vertical onde o adulto tudo sabe e manda os filhos nadam sabem e devem obedecer. Nesse tipo de relação nem sempre existe uma lógica e as regras podem mudar de acordo com o humor dos pais. A criança está sempre em estado de alerta, ela não aprende, ela tem medo. E, muitas vezes, aprende a usar de mentira para se esquivar.

Temos também as relações de permissividade, ou seja, a criança é supervalorizada e tudo pode. São crianças que tem tudo fácil e não aprendem a tolerar frustrações. Também não aprendem a correr atrás do que querem, não tem vontade de conquistar as coisas, pois acostumaram a ter tudo nas mãos.

Atualmente defende-se a geração de pais e mães aprendizes, ou seja, eles ouvem as crianças, as consideram n as situações, mas também se consideram entendendo que como pais, seu papel é guiar, ser a margem do rio, direcionar.

Ainda não há comentários.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.